Mito ou verdade?

A coluna “Mito ou Verdade” foi escrita semanalmente entre 2006 e 2007 durante estágio no departamente de assessoria de comunicação do Hospital e Maternidade São Camilo, de São Paulo. As notas eram frequentemente publicadas no caderno Saúde do jornal Folha de S.Paulo e alguns jornais do interior.

Mito ou verdade: Anti-transpirante causa câncer de mama?

MITO. Não há nenhum estudo científico que comprove a associação. Mesmo que o desodorante impeça a eliminação do suor pelas glândulas da axila, o corpo tem outros mecanismos para transpirar. “A maioria da população utiliza anti-transpirantes e não há um aumento na incidência de câncer”, comenta o Dr. Elias Abdo Filho, oncologista do Hospital e Maternidade São Camilo. Ele esclarece que é no momento em que a mulher está em frente ao espelho e em contato com a axila que nota alguma possível alteração que antes não percebia.

23/02/07

Mito ou verdade: Tomar vitamina B12 repele os mosquitos?

VERDADE. Pode parecer crendice, mas tomar um complexo de vitamina B12 duas semanas antes do acampamento ou pescaria ajuda a manter os mosquitos longe. A Dra. Solange Dal Poggetto, dermatologista do Hospital e Maternidade São Camilo, explica que o odor que o medicamento deixa na pele afasta os insetos sem prejudicar a pessoa ou incomodar os outros. O único efeito colateral é uma urina mais amarelada, porém a receita e a dosagem precisam ser prescritas por um dermatologista para que não haja contratempos.

14/02/07

Mito ou verdade: Quem está acima do peso transpira mais?

VERDADE. Quem tem alguns quilinhos a mais está acumulando tecido adiposo, camada de gordura que retém o calor. Para compensar esse aquecimento, as glândulas sudoríparas trabalham ainda mais, buscando o equilíbrio térmico do organismo, explica a dermatologista Solange Dal Poggetto, do Hospital e Maternidade São Camilo. O suor tem a função de refrescar a pele, porém quem está com sobrepeso tem essa necessidade constante sem ter feito esforço físico algum.

7/02/07

Mito ou verdade: Suco de limão refresca mais?

VERDADE. Apesar de qualquer suco ou sorvete diminuir o calor, acontece que o limão é uma fruta ácida e leve que dá mais rapidamente a sensação de sede saciada. O limão tem baixo teor calórico e muitos eletrólitos (responsáveis pela reposição de líquidos e hidratação), além de nutrientes como potásso, sódio, vitamina C e outros minerais que, junto com o gosto azedo, causam a sensação de refrescância, como explica a nutricionista Fabiana Carvalho Trovão do Hospital e Maternidade São Camilo. No entanto, este não é um privilégio do limão. Qualquer fruta cítrica como laranja, abacaxi ou kiwi provoca a mesma sensação de frescor e hidratação.

31/01/07

Mito ou verdade: Ginástica olímpica ou natação influenciam o crescimento da criança?

MITO. Praticar ginástica olímpica ou natação duas ou três vezes na semana durante uma hora não encurta nem aumenta o crescimento. Como explica a Dra. Adriana Barbosa, pediatra do Hospital e Maternidade São Camilo, a preocupação está no treinamento intensivo de qualquer esporte, principalmente na fase de estirão da puberdade, transição entre a infância e a adolescência na qual a criança cresce de 10 a 15 cm por ano. “O treinamento intensivo sobrecarrega a parte óssea e hormonal, e em alguns casos pode até ocorrer o fechamento da cartilagem do crescimento”. Segundo ela, deve-se incentivar as crianças a praticar esportes regularmete para que tenham uma vida mais saudável.

24/01/07

Mito ou verdade: Andador prejudica o desenvolvimento do bebê?

VERDADE. Mas somente se a criança ficar o dia inteiro no andador. “A aba frontal do andador dá uma segurança ao bebê que ele não terá quando estiver andando sozinho, provocando dificuldade de equilíbrio e tombos”, explica o Dr. Hamilton Robledo, pediatra do Hospital e Maternidade São Camilo. Além disso, passar muito tempo no apoio pode prejudicar a formação do fêmur e bacia pela má posição das pernas. “Com o devido cuidado dos pais, ele pode auxiliar em alguns momentos do dia, mas jamais deve exceder uma hora de uso constante”, ressalta o médico.

11/01/07

Mito ou verdade: Doar engrossa o sangue?

MITO. “Essa afirmação não tem qualquer fundamento científico ou prático”, diz o Dr. Dante Langhi Jr., hemoterapeuta do Hospital e Maternidade São Camilo. Doar sangue não altera a quantidade, a espessura ou o aspecto do sangue e não causa qualquer prejuízo ao doador. Há restrição apenas em relação à frequência das doações, que devem ter intervalos de pelo menos 8 semanas para não provocar anemia por falta de ferro no sangue. “Todos deveriam doar pois, além de ser um ato de civilidade, não custa nada e beneficia muitas pessoas”, ressalta o Dr. Langhi.

3/01/07

Mito ou verdade: Dormir após as refeições faz bem?

MITO. Segundo o Dr. Ricardo Barbuti, gastroenterologista do Hospital e Maternidade São Camilo, deve-se esperar de 2 a 3 horas para deitar-se após a refeição. Pela própria força da gravidade a comida tende a voltar para o esôfago e, caso exista alguma doença digestiva, pode piorar o quadro. “Um bom hábito é andar um pouco após comer, cerca de 15 a 20 minutos está bom”, aconselha o Dr. Barbuti.

28/12/06

Mito ou verdade: Comer antes de tomar bebidas alcoólicas evita indisposição gástrica?

VERDADE. O álcool é naturalmente um irritante gástrico. Comendo antes de beber, o alimento servirá de proteção e a irritação será menor, mas o ideal é não abusar das bebidas alcoólicas até mesmo para evitar vexames em plena festa de final de ano. “Unir álcool a alimentos gordurosos ou chocolate piora o refluxo que, com a vertigem causada pela bebida, pode provocar náuseas e enjôos”, alerta o Dr. Cyro Helena, gastroenterologista do Hospital e Maternidade São Camilo.

20/12/06

Mito ou verdade: Implante de silicone dificulta a amamentação?

MITO. A prótese em si não atrapalha os ductos e as glândulas mamárias. O que pode ocorrer é uma readaptação da mama no período pós lactação e a necessidade de uma nova cirurgia para correção estética. Há, porém, o risco de uma lesão na cirurgia periareolar (uma das três técnicas utilizadas) por fazer a incisão em uma região onde há abundância de ductos, mas isso pode ser evitado por um bom profissional. “É importante ressaltar que a prótese retroglandular irá demandar maiores cuidados com a mamografia, pois pode gerar pontos cegos no exame de detecção precoce do câncer”, diz o mastologista Dr. Yong Joo do Hospital e Maternidade São Camilo.

13/12/06

Mito ou verdade: Entortar os olhos pode deixar vesgo?

MITO. Não faz mal algum brincar de vesgo. O Dr. Marco Cézar Helena, do Hospital e Maternidade São Camilo, explica que é normal convergir os olhos para um mesmo ponto que se quer enxergar. Vesgo é aquele que entorta demais os olhos e não consegue focalizar os objetos. “Algumas pessoas conseguem fazer isso voluntariamente, mas isso não quer dizer que um ‘ventinho’ indesejado irá deixá-lo estrábico”, explica o oftalmologista.

6/12/06

Mito ou verdade: É bom pegar catapora quando criança?

MITO. A catapora pode ter complicações sérias e o vírus fica latente no organismo pelo resto da vida”, reprova o infectologista Dr. Ivan Marinho, do Hospital e Maternidade São Camilo. Além dos incômodos sintomas, as erupções cutâneas são porta de entrada para infecções secundárias que podem deixar sequelas. A pessoa, então, não está imune à catapora após ser infectado, mas tem dentro de si o vírus incubado que, num possível, iimunodepressão, se manifesta como a dolorosa herpes zóster.

29/11/06

Mito ou verdade: Negros não precisam usar protetor solar?

MITO. Todos devem usar protetor solar pois, mesmo com a maior proteção conferida pela melanina, a pele negra é considerada sensível. Segundo a dermatologista Silvia Maria Drummond, do Hospital e Maternidade São Camilo, pessoas morenas são mais suscetíveis a manchas e ainda têm tendência ao ressecamento. Ainda há risco, embora menor, de câncer de pele e envelhecimento precoce. “É preciso que as pessoas se conscientizem que o protetor é necessário. Um FPS 15 ou 20 é suficiente e deve ser aliado a um hidratante”, alerta a médica.

14/11/06

Mito ou verdade: Mulheres que convivem menstruam ao mesmo tempo?

VERDADE. Os culpados são os ferormônios, mensagens químicas exaladas pelas espécies para promover o reconhecimento. Mulheres que moram juntas acabam recebendo estímulos umas das outras, imperceptíveis aos cinco sentidos, mas que afetam o ciclo menstrual. A alteração no metabolismo tende a se normalizar, coincidindo o período de ovulação dessas mulheres, como explica a Dra. Lizandra Marcondes, ginecologista do Hospital e Maternidade São Camilo. “Os ferormônios tem ação mais significativa entre bichos, mas mostram que a interação social pode afetar nosso organismo”, diz a médica.

8/11/06

Mito ou verdade: Homem com mão fria tem falta de testosterona?

MITO. Não necessariamente mãos geladas têm relação com a falta de testosterona. Como o hormônio faz parte do controle da temperatura corporal e está em abundância no corpo masculino, os efeitos são frequentemente confundidos. Segundo a Dra. Maria Rosária Cunha, endocriologista do Hospital e Maternidade São Camilo, os sintomas mais significativos da falta de testosterona são a diminuição da libido, impotência, queda de pelos e o surgimento de algumas características feministas. Pode ser causada pela obesidade, problemas testiculares e alguns medicamentos hormonais. “Apenas um bom especialista poderá dizer se há alguma alteração hormonal significativa”, afirma a médica.

1/11/06

Mito ou verdade: Comer e em seguida tomar banho faz mal?

MITO. Não há mal em comer e em seguida tomar banho. O que pode causar algum mal estar é o fato de a água muito quente dilatar os vasos sanguíneos e isso provocar tonturas. Como explica o Dr. Ricardo Barbutti, gastroenterologista do Hospital e Maternidade São Camilo, quando nos alimentamos a circulação sanguínea do corpo concentra-se no processo de digestão para auxiliá-lo. Portanto, não é recomendado para as pessoas que comeram muito ou abusaram de alimentos pesados praticar atividades físicas de nenhum tipo em seguida, porque isso sim pode fazer mal. A dica do médico é não cometer exageros: nem comer muito e nem tomar banhos muito quentes.

18/10/06

Mito ou verdade: Laqueadura engorda?

MITO. A laqueadura é um método de esterilização feminina em que as trompas de falópio – que ligam os ovários ao útero- são cortadas ou amarradas. Por modificar apenas o caminho do óvulo, não afeta as funções hormonais do sistema reprodutor. No entanto, caso as artérias que irrigam o ovário sejam atingidas durante a cirurgia, pode haver uma disfunção circulatória ovariana que terá reflexos na produção de hormônios e levar ao aumento de peso, esclarece a Dra. Ana Paula Santiago, ginecologista do Hospital e Maternidade São Camilo. A laqueadura é um método de contracepção seguro e definitivo que tem perdido espaço para a esterilização masculina – vasectomia -, mais rápida e de menor custo.

11/10/06

Mito ou verdade: Panela de ferro cura anemia?

MITO. Apesar de a panela de ferro soltar o mineral nos alimentos, é uma variante do ferro que tem baixa absorção e ainda em pouca quantidade. A anemia é uma deficiência no sangue pela falta de ferro e requer indicações médicas. Ainda assim, a nutricionista Silvia Regina Toscano, do Hospital e Maternidade São Camilo, aconselha o uso da panela de ferro ao invés da panela de alumínio, já que o alumínio liberado por ela é uma substância tóxica e cancerígena. As panelas mais indicadas para não agredir o organismo seriam, além das de ferro, as de aço inox e de cerâmica.

5/10/06

Mito ou verdade: Lipoaspiração emagrece?

MITO. A lipoaspiração não é indicada para perder peso, pois é retirada apenas uma parte da gordura localizada e subcutânea. “Ela é indicada para tirar excessos de gordura quando a pessoa já fez dieta, ginástica e está próxima do peso ideal, mas não consegue tirar os ‘pneus’, a ‘barriguinha de chopp’, papada etc.”, afirma o Dr. Adriano Romiti, cirurgião plástico do Hospital e Maternidade São Camilo. Ela é uma cirurgia modeladora com finalidade estética, tanto que o Conselho Federal de Medicina (CFM) fixou como limite de gordura retirada apenas 5% do peso corporal. Portanto, não há milagre e isso deve ser bem esclarecido no consultório “do contrário, o médico terá um paciente infeliz e descontete e, por melhor que seja o resultado, sairá insatisfeito”, enfatiza o médico.

4/10/06

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s